Fique atento com a elaboração do PPRA

O PPRA é o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais previsto pela Norma Regulamentadora 09. Como dissemos anteriormente, no blog sobre a NR 09, ele visa promover a saúde e o bem-estar de todos os trabalhadores no ambiente laboral.  E, no que envolve o canteiro de obras, através do PPRA é possível mapear todas as áreas de risco e implantar as medidas necessárias para evitar que acidentes graves aconteçam.

O programa é obrigatório para qualquer empresa, independentemente do ramo de atuação, números de funcionários ou do grau de risco que as funções desempenhadas na organização apresentam. Entretanto, no setor da construção civil, a elaboração do PPRA merece uma atenção dobrada, visto que, é um dos setores que mais registra casos de acidentes e óbitos no ambiente de trabalho. Desse modo, para que você consiga desenvolver o seu Programa de Prevenção de Risco Ambientais de forma correta e que faça sentido para a realidade da sua construção, separamos tudo que você deve observar e as etapas para elaborar conforme as premissas da NR 09. Confira!

1º- Antecipação de reconhecimento dos riscos: nessa primeira etapa é feito o reconhecimento dos possíveis riscos presentes no ambiente laboral. Para a NR 09, classifica-se como agente de riscos os agentes físicos, químicos e biológicos. No entanto, para a elaboração do programa direcionado ao canteiro de obras é importante acrescentar os riscos de acidentes ergonômicos.

2º- Avaliação: nesse estágio da elaboração do PPRA será avaliado todas as informações obtidas na primeira etapa. Sendo assim, será realizado avaliações quantitativas dos riscos ambientais e, a partir disso, será analisado quais ações deverão ser colocadas como prioridades para minimizar ou eliminar totalmente estes riscos.

3º- Implementação de medidas de controle: é nesta etapa que entra em ação todas as medidas de segurança estabelecidas de acordo com as fases anteriores. Segundo a norma, ao implementar as ações de segurança, deve-se buscar:

  1. Minimizar ou eliminar totalmente qualquer agente de risco;
  2. Prevenir e evitar o surgimento de novos agentes;
  3. Quando não for possível eliminar totalmente os riscos, implantar medidas para reduzir o tempo de exposição dos trabalhadores ao risco constatado;
  4. Conscientizar os trabalhadores da importância do uso de Equipamentos de Proteção Individual e também de respeitar as sinalizações e os Equipamentos de Proteção Coletiva.

Mesmo com a elaboração correta do PPRA e com todas as medidas de segurança inseridas corretamente no canteiro de obras, o monitoramento dos agentes de risco deve ser frequente, analisando se todas as ações adotadas estão sendo eficazes ou se surgiu alguma situação considerada de risco e que precisa de certas medidas de controle. Só assim, o profissional responsável conseguirá fazer com que o PPRA seja eficiente e de acordo com os princípios das Normas Regulamentadoras.

O PPRA é uma responsabilidade do empregador, desde sua elaboração até a execução de todas as ações necessárias para evitar a exposição de seus trabalhadores em risco. Analise as condições de seu canteiro de obras e esteja em dia com as Normas Regulamentadoras com o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais.

Avaliações para agentes de riscos, segundo a NR-09

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quem leu este post leu também :)

Segurança do trabalho na construção civil: os pontos importantes

Manter a integridade física dos trabalhadores é fundamental no canteiro de obras. Entenda sobre a segurança do trabalho na construção civil.

Combate ao incêndio na construção civil

Medidas de combate ao incêndio devem fazer parte da cultura de segurança na construção civil, porque é um tipo de incidente que pode acontecer...

A necessidade de instaurar a cultura da segurança na construção civil

Garantir a saúde e integridade física dos trabalhadores é primordial, e implantar a cultura da segurança na construção civil é uma prática fundamental para...

O que realmente mudou com o fim da PCMAT na construção civil?

Com a nova redação da Norma Regulamentadora nº 18 que trata da Segurança e Saúde do Trabalho na Indústria da Construção a PCMAT (Programa...

O profissional de segurança do trabalho na construção civil

A segurança do trabalho na construção civil é uma das preocupações de quem está diariamente em um canteiro de obras, e não é por...

Tipos de acidente típico e acidente de trajeto e como evitá-los

Os acidentes de trabalho estão entre as principais preocupações de uma construtora, principalmente por conta do segmento de construção civil figurar entre os que...

Materiais

Catálogo de Proteção Coletiva

Trabalhamos continuamente para aprimorar a qualidade dos nossos produtos e sistemas de segurança para a execução de estruturas em concreto. Baixe e conheça nossos serviços.